CONSEQUÊNCIAS DO ESTRESSE VIVENCIADO PELOS TRABALHADORES DA ENFERMAGEM NA LUTA CONTRA A COVID-19: REVISÃO LITERÁRIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5281/zenodo.5095428

Palavras-chave:

Esgotamento Profissional. Esgotamento Psicológico. Infecções por Coronavírus. Enfermeiros.

Resumo

Introdução: A Síndrome de Burnout é um conjunto de sintomas que carregam à exaustão emocional na realização das atividades laborais em decorrência de má adaptação as longas jornadas de trabalho acarretando carga tensional que quando associada a Covid-19 aumenta em grandes proporções; Objetivo: descrever os fatores que levam o enfermeiro a Síndrome de Burnout no enfrentamento da Covid-19.; Métodos: trata-se revisão integrativa literatura nas bases de dados virtuais: Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Scientific Eletronic Library Online (SCIELO); Resultados: foram selecionados 50 artigos, 20 SCIELO, 20 LILACS, 10 MEDLINE, foram incluídos no estudo de acordo com os critérios de inclusão e exclusão, selecionando apenas 9 artigos onde foram identificados os fatores que causam a Síndrome de Burnout no enfermeiro em tempos da pandemia; Conclusão: o enfermeiro exerce inúmeras atribuições no ambito do trabalho, onde o desgaste físico e mental é inevitável, quando ocorre em excesso poderá levar ao acometimento da Síndrome de Burnout, foram apresentando inúmeros fatores e as intervenções resolutivas, sendo necessário intervenções psicológicas em todos os ângulos da assistência e mais publicações sobre a temática.

Biografia do Autor

Hellen da Silva Rocha Neres, Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil

Orcid: https://orcid.org/0000-0002-3845-429X
Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil
E-mail: hellenrochaneres@gmail.com

Laís Gomes Pedrosa, Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil

Orcid: https://orcid.org/0000-0002-7268-8153
Lattes: http://lattes.cnpq.br/7821630617916827
Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil
E-mail: laisgomes456@gmail.com

Walquiria Lene dos Santos, Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil

Orcid: https://orcid.org/0000-0001-6489-5243
Lattes: http://lattes.cnpq.br/4723603129713855
Faculdade de Ciências e Educação Sena Aires, GO, Brasil
E-mail: walquiria@senaaires.com.br

Referências

Pêgo FPL, Pêgo DR. Síndrome de Burnout. Rev Bras Med Trab. 2016;14(2):171-6. Disponível em: http://docs.bvsalud.org/biblioref/2016/09/1833/rbmt-v14n2_171-176.pdf. Acesso em 04 de julho de 2020.

Freitas CC, Freire MAM. Síndrome de Burnout em enfermeiros trabalhadores de um hospital público de Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. Revista Ciência e Saúde. 2020; 10 (2):5-12. Disponível em: http://186.225.220.186:7474/ojs/index.php/rcsfmit_zero/article/view/937/531. Acesso em 05 de agosto de 2020.

Nogueira LS, Sousa RMC, Guedes ES, Santos MA, Turrini RNT, Cruz DALM. Burnout e ambiente de trabalho de enfermeiros em instituições públicas de saúde. Revista Bras Enferm [Internet]. 2018;71(2):336-42. DOI: http:// . Acesso em 06 de agosto de 2020.

Pereira MD, Torres EC, Pereira MD, Antunes PFS, Costa CFT. Sofrimento emocional dos Enfermeiros no contexto hospitalar frente á pandemia de COVID1-9. Revista Research, Society and Development, v. 9, n.8 , 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.33448/rsdv9i8.5121. Acesso em: 10 de agosto de 2020.

Ercole FF, Melo LS, Alcoforado CLGC. Revisão integrativa versus revisão sistemática. Rev Min Enferm. 2014 jan/mar; 18(1): 1-260. Disponível em: https://cdn.publisher.gn1.link/reme.org.br/pdf/v18n1a01.pdf. Acesso em 10 de agosto de 2020.

Silveira et al. Síndrome de Burnout: consequências e implicações de uma realidade cada vez mais prevalente na vida dos profissionais de saúde. Rev Bras Med Trab. 2016;14(3):275-84. Acesso em: https://cdn.publisher.gn1.link/rbmt.org.br/pdf/v14n3a13.pdf. Acesso em: 15 de agosto de 2020.

Perniciotti P, Júnior CVS, Guarita RV, Morales RJ, Romano BW. Síndrome de Burnout nos profissionais de saúde: atualização sobre definições, fatores de risco e estratégias de prevenção. Rev. SBPH vol. 23 no. 1, Rio de Janeiro – Jan./Jun. – 2020. Acesso em: 08 de setembro de 2020.

Sé ACS et al. Prevalência da Síndrome de Burnout em enfermeiros do atendimento pré-hospitalar. Research, Society and Development, v. 9, n. 7, e940975265, 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i7.5265. Acesso em 09 de setembro de 2020.

Dal’Bosco EB, Floriano LSM, Skupien SV, Arcaro G, Martins AR, Anselmo ACC. A saúde mental da enfermagem no enfrentamento da covid-19 em um hospital universitário regional. Rev Bras Enferm. 2020;73(Suppl 2):e20200434. Disponível em: doi: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167-2020-0434. Acesso em: 11 de setembro de 2020.

Silva RP, Barbosa SC, Silva SS, Patrício DF. Burnout e estratégias de enfrentamento em profissionais de saúde. Revista Brasileiros de Psicologia; Rio de Janeiro, 67 (1): 130-145. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/arbp/v67n1/10.pdf. Acesso em: 20 de setembro de 2020.

Menezes PCM, Alves ESRC, Neto SAA, Davim RMB, Guaré RO. Sindrome de Burnout: uma análise reflexiva. Rev enferm UFPE on line., Recife, 11(12):5092-101, dec., 2017. Disponível em: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v11i12a25086p5092-5101-2017. Acesso em: 21 de setembro de 2020.

Brito TB, Sousa MSC, Rodrigues TS, Síndrome de Burnout: estratégias de prevenção e tratamento nos profissionais de enfermagem. Rev. UNINGÁ, Maringá, v. 56, n. S2, p. 113-122, jan./mar. 2019. Disponível em: http://revista.uninga.br/index.php/uninga/article/view/2383/1907. Acesso em: 06 de julho de 2020.

Gonçalves RMV, Schneider KS. Estratégias de enfrentamento da Síndrome de Burnout. Revista Caderno Saúde e Desenvolvimento v.8, n.05, jan./jun. 2016. Disponível em: https: www.uninter.com/cadernosuninter/index.php/saude-e-desenvolvimento/article/view/435/369. Acesso em: 10 de julho de 2020.

Downloads

Publicado

2021-07-13

Como Citar

Neres, H. da S. R. ., Pedrosa, L. G. ., & Santos, W. L. dos . (2021). CONSEQUÊNCIAS DO ESTRESSE VIVENCIADO PELOS TRABALHADORES DA ENFERMAGEM NA LUTA CONTRA A COVID-19: REVISÃO LITERÁRIA . Revista JRG De Estudos Acadêmicos, 4(9), 136–146. https://doi.org/10.5281/zenodo.5095428

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>