ECONOMIA CIRCULAR. UMA PESQUISA SOBRE CERTIFICAÇÕES

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5281/zenodo.5142187

Palavras-chave:

Economia circular. Sustenatabilidade. Certificações. Estratégias de economia circular. Políticas publicas

Resumo

Com todos desafios da sustentabilidade atuais o conceito de economia circular vem como uma nova abordagem de pensar o ciclo econômico linear de extração de materiais, utilizo de insumos na produção e venda. A economia circular busca reduzir custos, preservar recursos de materiais escassos ou reciclar materiais. Trata-se de um conjunto de estratégias que estão na base de algumas políticas publicas e disponibilização de recursos financeiros para projetos de desenvolvimento sustentável que alcançam impactos econômicos, mas também ambientais e sociais com melhor qualidade de vida por todos. No atual trabalho se busca um método de certificação para economia circular, pois com ela é possível comunicar aos clientes ações voluntárias de sustentabilidade das empresas e organizações econômicas e monitorar os avanços voluntários delas. A metodologia de pesquisa é bibliográfica e tem como resultado uma analise de vantagens e desvantagens das diferentes certificações. Os resultados permitem dizer que ainda estamos longe de uma solução e uma certificação adequada para economia circular nacional. Se mostra também por que devemos continuar perseguindo um objetivo de busca nesse sentido.

Biografia do Autor

Alessandro Aveni, Universidade de Brasília, UnB, DF, Brasil

Pós doutorando Propriedade Intelectual Profnit rede nacional.  Doutor em Administração na Itália, certificado pela UNB. Mestre em Geografia e Graduação em Administração pela UnB. Docente na Universidade de Brasília – UnB e na Faculdade Processus.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT. 2015. NBR ISO 14001:2015: sistemas de gestão ambiental: requisitos com orientações para uso. Rio de Janeiro, 2015.

AVENI, Alessandro. Tendências da Inovação na Economia da Saúde: Um Possível Cenário Para Empreendedores. Revista Coleta Científica, Vol. 4, n. 7, p. 71–87, 2020.

BOULDING, K. The economy of the coming spaceship earth. DALY, H.;FREEMAN, W. H. (Eds.), 1980. In: Economics, ecology, ethics: essay towards a steady state economy. San Francisco,1966.

BRASIL Lei da Propriedade Industrial, nº 9.279/96

BRAUNGART, M., MCDONOUGH, W. & BOLLINGER, A. (2007). Cradle-to-cradle design: creating healthy emission- a strategy for eco-effective product and system design. Journal of Cleaner Production, 15, 1337-1348

BRITISH STANDARDS INSTITUTION. BSI 8001: framework for implementing the principles of the circular economy in organizations. 2017. Disponível em: <https://shop.bsigroup.com/ProductDetail/?pid=000000000030334443>. Acesso em: 23 junho 2021.

CNI - Confederação Nacional da Indústria. Economia circular : o uso eficiente dos recursos / Confederação Nacional da Indústria. – Brasília : CNI, 2018. 36 p. : il. – (Propostas da indústria eleições 2018 ; v. 12)

COM - EUROPEAN COMMISSION. Implementation of the Circular Economy Action Plan. Disponível em: . Acesso em: Maio. 2018.

COM - EUROPEAN COMMISSION. Towards a circular economy: a zero waste programme for Europe. COM(2014)398final. Bruxelas: COM, 2014. 2014a.

COM - EUROPEAN COMMISSION. European resource efficiency platform (EREP): Manifesto& policy recommendations. Bruxelas: COM, 2014. 2014b.

EMF - ELLEN MACARTHUR FOUNDATION. Towards a Circular Economy: Business rationale for an accelerated transition. Disponível em: <https://www.ellenmacarthurfoundation.org/publications>. Acesso em: 02 dezembro 2019.

EMF - ELLEN MACARTHUR FOUNDATION. Towards the circular economy - Vol. 2: Opportunities for the consumer goods sector. Isle of Wight: EMF, 2013.

EMF - ELLEN MACARTHUR FOUNDATION. Towards the circular economy - Vol. 1: Economic and business rationale for an accelerated transition. Isle of Wight: EMF, 2012.

EMF - ELLEN MACARTHUR FOUNDATION Rumo a economia : oracional de negócio para acelerar a transição disponível em http://www.ellenmacarthurfoundation.org/case_studies/ acessado no dia 2-12-2019

GEORGESCU-ROEGEN, N. The entropy law and the economic process. Cambridge, MA: Harvard University Press.1971.

GHISELLINI, P.; CIALANI, C.; ULGIATI, S. A review on circular economy: the expected transition to a balanced interplay of environmental and economic systems. Journal of Cleaner Production, TowardsPost Fossil Carbon Societies: Regenerative and Preventative Eco-Industrial Development. v. 114, p. 11–32, 15 fev. 2016.

GRS - GLOBAL RECYCLED STANDARD,Textile Exchange Global Recycled Standard

Original Release Date: July 1, 2017 and the GRS Logo are trademarks of Textile Exchange.

MACARTHUR, E.. Towards the circular economy. Journal of Industrial Ecology, pp 23-44. 2013.

MURRAY, A., SKENE, K., & HAYNES, K. The Circular Economy: An Interdisciplinary Exploration of the Concept and Application in a Global Context. Journal of Business Ethics. 3(140), 369–380. https://doi.org/10.1007/s10551-015-2693-2. 2017.

ORGANIZAÇÃO PARA A COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO - OCDE. Policy guidance on resource efficiency. 2016. Disponível em: <http://www.oecd.org/env/policy-guidance-on-resource-efficiency-9789264257344-en.htm>. Acesso em: 31-10-2019.

PEARCE, D. W., & TURNER, R.K.. Economics of natural resources and environment. Londres: Harvester Wheashealf. 1990.

SHAPIRO, C. "Premiums for High Quality Products as a Return to Reputations", The Quarterly Journal of Economics, vol. 97, pp. 659 679.1983.

SEHNEM SIMONE , FARIAS PEREIRA SUSANA CARLA. Rumo à Economia Circular: Sinergia Existente entre as Definições Conceituais Correlatas e Apropriação para a Literatura Brasileira RECADM v.18 n.1 p.35-62 Jan-Mar 2019.

STIGLER, G. "The Economics of Information", Journal of Political Economy, n° 3, June. 1961.

UNITED NATIONS INDUSTRIAL DEVELOPMENT ORGANIZATION - UNIDO. Green growth: from labour to resource productivity: best practice examples, initiatives and policy options. 2013. Disponível em: <http://www.greengrowthknowledge.org/resource/green-growth-labour-resource-productivity-best-practice-examples-initiatives-and-policy>.

UNEP United Nations Environment Programme . Introduction to Green Economy A DEVCO Training Course Prepared in Partnership with UNITAR, UNEP and ILO 27 September 2013, Brussels.

Downloads

Publicado

2021-07-28

Como Citar

Aveni, A. . (2021). ECONOMIA CIRCULAR. UMA PESQUISA SOBRE CERTIFICAÇÕES. Revista JRG De Estudos Acadêmicos, 4(9), 236–256. https://doi.org/10.5281/zenodo.5142187