Os cuidados de enfermagem ao paciente com diagnostico de câncer de mama

Autores

DOI:

https://doi.org/10.55892/jrg.v6i13.809

Palavras-chave:

Câncer de mama, Cuidados de enfermagem, Consulta de enfermagem

Resumo

O câncer de mama é a principal causa de morte por câncer da população feminina, independente das intervenções terapêuticas de escolha, dentre elas podemos citar o procedimento de mastectomia radical. É preciso elaborar as seguintes categorias para se obter os planos de cuidados: autocuidado, cuidado humanizado para proporcionar o conhecimento adequado sobre a doença e seu respectivo tratamento, inserção da família no processo que a referente mulher ela está passando e todo o preparo da equipe de enfermagem no processo de enfretamento da doença (Câncer de mama). Diante da significância do tema, com o objetivo de conhecer e identificar a assistência prestada pelos profissionais de enfermagem, o presente trabalho fez uso  de pesquisas bibliográfica na forma de revisão de literatura sobre o seguinte tema: os cuidados de enfermagem aos pacientes com diagnóstico de câncer de mama, além disso, foi realizado uma entrevista semiestruturada com enfermeiras do município de Campestre, interior de Alagoas, para melhor compreensão da assistência prestadas por esses profissionais as pacientes diagnosticadas com câncer de mama. Como conclusão, obtivemos que o enfermeiro é um importante profissional no contexto atual de enfrentamento do câncer, e que esse necessita fornecer apoio às mulheres acometidas pelo câncer de mama. A sua atuação é fundamental em todas as fases, que vai desde a revelação do diagnóstico, até o período de tratamento e se for o caso do pré e pós-operatório de mastectomia se for necessário. Faz parte de seu papel também, atuar em espaços de promoção da saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cássio Alexandre Balbino da Silva, Centro Universitário Mario Pontes Jucá – UMJ, Brasil.

[Lattes] - Graduação em andamento em Enfermagem pelo Centro Universitário Mario Pontes Jucá - UMJ, Brasil

Rayane Martins Botelho, Universidade Federal de Alagoas

[Lattes] - Enfermeira pela Universidade Federal de Alagoas (2020). Mestre em ciências da saúde pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde (PPGCS), na Universidade Federal de Alagoas, integra o Grupo de Pesquisa em Saúde da Mulher e da Gestação no Laboratório de Biologia Celular. Durante a graduação foi bolsista CNPq, do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC 2017-2018 / PIBIC 2018-2019), Monitora da disciplina de virologia e imunologia. Atualmente é doutoranda em ciências da saúde pelo Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (PPGCS).

Referências

ABRAHÃO, A.L. et al. O pesquisador In-Mundo e o processo de produção de outras formas de investigação em saúde. In: MERHY, E.E. et al. Avaliação Compartilhada do Cuidado em Saúde: surpeendendo o instituído nas redes. Volume 1. Rio de Janeiro (RJ): Hexix, 2016. p. 22-30.

Amaral, L. B. D. M. X. (2020). Cuidado de enfermagem nos efeitos adversos na quimioterapia para câncer de mama: revisão narrativa da literatura><http://repositorio.uft.edu.br/handle/11612/1594>. Acesso em: 25 maio. 2022.

AUGUSTO, T. R. S. A relevância da humanização da assistência de enfermagem frente a mulher diagnosticada com câncer de mama: Enfermeiro humanista, abordagem à mulher com neoplasia maligna de mama, qualidade de vida, reações emocionais, prevenção, tratamento e a necessidade de orientações. Disponível em:

https://monografias.brasilescola.uol.com.br/enfermagem/a-relevancia-humanizacao-assistencia-enfermagem-frente-mulher-diagnosticada-cancer-mama.htm Acesso em: 21 maio. 2022.

CONSELHO FEDERAL DE ENFERMAGEM. Resolução COFEN 358: Dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem, e dá outras providências.RJ: Conselho Federal de Enfermagem;2009.

Disponível em: < http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-3582009_4384.html> Acesso em: 25 maio. 2022.

Ferreira, B. C. A.; Vianna, T. A. Lima, M. K. C.; Chícharo, S. C. R.; Nogueira, L. R. D.; Assistência do enfermeiro diante do câncer de mama na estratégia da família. Research, Society and Development, v. 10, n. 9, e12310917802, 2021.

FORTUNA, C. M. et al. O trabalho de equipe no Programa de Saúde da Família: reflexões a partir de conceitos do processo grupal e de grupos operativos. Rev. Latinoam. Enfermagem, 13(2): 262-268, 2005.

FORTUNA, C. M. O Trabalho de Equipe numa Unidade Básica de Saúde: produzindo e reproduzindo-se em subjetividades – em busca do desejo, do devir e de singularidades. Dissertação de Mestrado, Ribeirão Preto: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da USP, 1999.

HAGUETTE, T.M.F. | Metodologias qualitativas na Sociologia.4º ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

INSTITUTO NACIONAL DE CANCER. Estimativa de Câncer no Brasil. Coordenação de Prevenção e Vigilância. Divisão de Vigilância e Análise de Situação, 2018. Disponível em: <https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer>. Acesso em: 25 maio. 2022.

INSTITUTO NACIONAL DO CÂNCER. Câncer de mama. 2019. Disponível em: <https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-mama>. Acesso em: 21 maio. 2022.

Matheus MCC. O trabalho em equipe: um instrumento básico e um desafio para a Enfermagem. Rev Esc Enf USP 1995 abr; 29(1):13-25.

NUNES, G. C.; NASCIMENTO, M. C. D.; ALENCAR, M. A. C. Pesquisa científica: conceitos básicos. Id On Line Revista de Psicologia, [s.l.], v. 10, n. 1, p. 144-151, fev. 2016. Lepidus Tecnologia. http://dx.doi.org/10.14295/idonline.v10i1.390. Disponível em: https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/390. Acesso em: 24 mai. 2022

ROCHA, S.M.M.; ALMEIDA, M.C.P.de. O processo de trabalho da enfermagem em saúde coletiva e a interdisciplinaridade. Rev.latino-am.enfermagem, Ribeirão Preto, v. 8, n. 6, p. 96-101, dezembro 2000.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE GENÉTICA MÉDICA. Posição da SBGM sobre testes genéticos preditivos, 2018. Disponível em: http://www.sbgm.org.br/noticias/posicao-da-sbgm-sobre-testes-geneticos-preditivos. Acesso em: 28 out. 2023.

TUCUNDUVA, Luciana Tomanik Cardozo de Melo. et al. Estudo da Atitude e do Conhecimento dos Médicos Não Oncologistas em Relação às Medidas de Prevenção e Rastreamento do Câncer. Rev Assoc Med Bras, São Paulo, v.50, n.3, p.257-262, 2004

VIANA, Joelma de M.; CAMPOS, Luciana A. L. Câncer de mama e mastectomia: cenário de atuação de enfermeiros, 2009. Disponível em: https://www.webartigos.com/artigos/cancer-de-mama-e-mastectomia-cenario-de-atua%C3%A7ao-de-enfermeiros/18331/ Acesso em: 21 maio. 2022.

Downloads

Publicado

2023-11-30

Como Citar

SILVA, C. A. B. da; BOTELHO, R. M. Os cuidados de enfermagem ao paciente com diagnostico de câncer de mama. Revista JRG de Estudos Acadêmicos , Brasil, São Paulo, v. 6, n. 13, p. 2099–2107, 2023. DOI: 10.55892/jrg.v6i13.809. Disponível em: https://revistajrg.com/index.php/jrg/article/view/809. Acesso em: 16 jun. 2024.

ARK