VÍNCULO DO IDOSO INSTITUCIONALIZADO COM SEUS FAMILIARES

Palavras-chave: Saúde do idoso institucionalizado. Idoso. Institucionalização. Vínculo Emocional.

Resumo

Objetivo: Identificar o tipo de vínculo familiar dos idosos que vivem em instituições de longa permanência. Método: Trata-se de uma revisão de literatura por meio de pesquisa em bases de dados digitais como na Biblioteca virtual de saúde (BVS), LILACS, MEDLINE, SCIELO, a partir de descritores padronizados e disponíveis, em estudos publicados nos últimos 5 anos. Resultados: Após a análise, foram incluídos 12 artigos na revisão, os quais discutem sobre institucionalização de idosos e seus sentimentos. Conclusão: Muitos vínculos familiares podem ter sido quebrados no passado e não necessariamente na velhice, acarretando a institucionalização do idoso. Mas, se esses vínculos são fortalecidos, estes podem proporcionar ao idoso uma vida com dignidade e com garantia de direitos.

Biografia do Autor

Tainara Almeida de Morais, Universidade Paulista UNIP

Graduanda em Enfermagem pela Universidade Paulista UNIP. Orcid: http://orcid.org/0000-0003-4557-6823. E-mail: moraistainara11@gmail.com

Mayara Cândida Pereira, Universidade Paulista UNIP

Graduada em Enfermagem pela Anhanguera Educacional - Anápolis GO. Doutoranda em Gerontologia pela Universidade Católica de Brasília-DF, Mestre em Gerontologia e Especialista em Saúde Pública. Atualmente é Coordenadora do Curso de Enfermagem da Universidade Paulista - UNIP campus Brasília - DF; Consultora Ad Hoc da Revista de Divulgação Científica Sena Aires; avaliadora de cursos pelo INEP/MEC e colaboradora dos processos éticos de enfermagem do COREN-DF. Tem experiência na área de enfermagem, com ênfase em saúde pública, gerontologia e ética profissional. Além disso, tem experiência em gestão acadêmica de ensino superior. Orcid: http://orcid.org/0000-0002-0242-6262

Referências

1. Pollo SH; Assis M, Instituições de longa permanência para idosos - ILPIS: desafios e alternativas no município do Rio de Janeiro [revista em internet] 2019 [Acesso em 8 de março de 2020] Rev. bras. geriatr. gerontol. vol.11 no.1.Disponivél em DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1809-9823.2008.11014
2. Souza APP, Prevalência de Depressão em Idosos Institucionalizados e sua Relação ao Suporte Familiar [internet] 2016 [acesso em 10 de março de 2020] Psicologado, Disponível em https://psicologado.com.br/atuacao/psicologia-social/prevalencia-de-depressao-em-idosos-institucionalizados-e-sua-relacao-ao-suporte-familiar
3. Corrêa D. O fortalecimento dos vínculos familiares com o idoso [internet] 2017 [acesso em 20 de março de 2020] Disponivél em: http://izabelahendrix.edu.br/pesquisa/anais/arquivo-2017/o-fortalecimento-dos-vinculos-familiares-com-o-idoso
4. Figueiredo MCCM; Ferreira FA; Nunes ESC, et al; Idosos institucionalizados: decisão e consequências nas relações familiares [revista em internet] 2018 [acesso em 28 de março de 2020]; Revista Kairós-Gerontologia, 21(2), 241-252. Disponivél em: file:///C:/Users/usuario/Downloads/40931-114955-1-SM.pdf
5. Gonçalves MJS; Júnior SAA; Silva J; Souza LN A importância da assistência do enfermeiro ao idoso institucionalizado em instituição de longa permanência [revista em internet] 2015 [acesso em 25 de março de 2020] Revista Recien. 2015; 5(14):12-18. Disponivél em DOI: https://doi.org/10.24276/rrecien2358-3088.2015.5.14.12-18
6. Campos ANC; Rezende GP; Ferreira EF et al; Funcionalidade familiar de idosos brasileiros residentes em comunidade [ revista em internet] 2017 [ acesso em 12 de abril de 2020] Acta paul. enferm. vol.30 no.4 São Paulo jul./ago. 2017. Disponivél em DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1982-0194201700053
7. Alves BRCM; Mantovani JOS; Carneiro ISBG; Camboim FEF; AFETO FAMILIAR: sentimento de idosos institucionalizados frente ao abandono da família [internet] 2016 [acesso em 15 de abril de 2020]. Disponivél em: http://www.editorarealize.com.br/revistas/cneh/trabalhos/TRABALHO_EV054_MD2_SA4_ID905_15082016141741.pdf
8. Oliveto P; solidão maltrata o corpo e a mente dos idosos. Correio brasiliense.[internet] 2016 [acesso em 22 de abril de 2020] Disponível em: http://especiais.correiobraziliense.com.br/solidao-maltrata-o-corpo-e-a-mente-dos-idosos
9. Lima TVS; Santos WP; Freitas FBD; et al; Emoções e sentimentos revelados por idosos institucionalizados: revisão integrativa. [revista em internet] 2016[acesso em 4 de maio de 2020] Revista Kairós Gerontologia, 19(3), pp. 51-65. disponível em DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2016v19i3p51-65
10. Soares NV; Corrêa BRS; Fontana RT et al; Sentimentos, expectativas e adaptação de idosos internado em instituição de longa permanência. [revista em internet] 2018[acesso em 6 de maio de 2020] Rev Min Enferm. 2018;22:e-1124. Disponivel em DOI: 10.5935/1415-2762.20180047
11. Santos MN; Solidão e Saúde Mental de Idosos Institucionalizados [internet] 2015 [acesso em 08 de maio de 2020] disponível em: https://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/23453/1/ulfpie047799_tm.pdf
12. Santana JDM; Pajeú CN; Pereira RSF; Gonzaga MFN; Participação dos familiares na vida dos idosos institucionalizados no lar são Francisco de assis em simão dias/se [ internet] 2016 [acesso em 10 de maio de 2020] disponível em:http://portal.unisepe.com.br/unifia/wpcontent/uploads/sites/10001/2018/06/062_artigo_lar_sao_francisco.pdf
Publicado
2020-06-13
Como Citar
Morais, T. A. de, & Pereira, M. C. (2020). VÍNCULO DO IDOSO INSTITUCIONALIZADO COM SEUS FAMILIARES. Revista JRG De Estudos Acadêmicos , 3(6), 217-229. https://doi.org/10.5281/zenodo.3892032